Oi, springers. Tudo bem?

Gente faz MUITO tempo que não compartilho livros com vocês por aqui, né? É que eu assumo, estava com dificuldades de me concentrar na leitura, mas agora estou me policiando pra voltar a ler e conseguir ler o máximo de livros que tenho pendentes, até mesmo pra dar a dica pra vocês, que eu sei que amam ler!

E o primeiro deste ano (vergonhoso, porque estamos em abril! Rs) é A Mágica Transformadora do F*, da Sarah Knight, publicado pela Rocco, com o selo Bicicleta Amarela. Eu postei que estava lendo no Instagram e nunca recebi tantas mensagens de gente perguntando o que achei. Entendo que o título chama muita atenção, até por que tem dias que tudo que a gente quer é usar esta mágica transformadora, certo? Hahaha

No livro, a Sarah conta como conseguiu deixar pra trás um emprego que ela não gostava e como conseguiu negar saídas e eventos que nem estava a fim de ir, mas que a gente acaba indo e gastando um dinheiro que nem tem só pra não deixar o outro na mão.

Uma das frases principais da capa é “pare de perder tempo que você não tem com gente que você não gosta e fazendo coisas que não quer” e admito que isso foi o que mais me chamou a atenção.

O mais legal é que a Sarah realmente criou um método, chamado Método Arrependimento Zero, para você conseguir colocar essas coisas na balança, ver o quanto elas valem a sua energia, e até te ensina a negar um convite sem ser babaca, sabe? Tudo isso é feito de forma leve, bem humorada e eficaz, porque realmente funciona.

Não vou dizer que coloquei tudo o que ela diz em prática, mas admito que passei a reparar que muitas vezes eu ia a lugares que não queria, gastava um dinheiro que nem tinha só pra agradar os outros. E não é bem assim que a coisa funciona.

Achei a leitura gostosa e ela é dividida em fases, portanto, não é algo que “pronto, agora vamos jogar tudo pro alto”, não, a escritora faz você pensar, te ajuda a colocar as coisas em ordem, pra aí, sim, agir. Gostei bastante, mas admito que, apesar de gostar, livro de auto ajuda acaba me cansando um pouco, porém, isso é pessoal, porque o livro em si vale super a pena ler, ainda mais se você estiver nesta fase de sufoco, com gente demais no seu pé e com vontade de jogar tudo para o alto. Eu tenho certeza que vai ajudá-la bastante, assim como me ajudou!

 E se você curtiu e quer ler também, o livro está a venda nas maiores livrarias do Brasil, como Saraiva, Submarino, Americanas, Livraria da Folha, etc., e custa de R$ 16,99 a R$ 18. Baratinho, né?

Se você curtiu este post, me conta, porque estou mesmo me policiando para ler mais pra trazer novidades e dicas de leituras para vocês. É algo que eu gosto bastante, mas percebo que por conta da tecnologia a gente acaba deixando de lado. Bora criar o #clubedaleituraST?